quinta-feira, 10 de abril de 2014

#OBRIGADO #FAMÍLIA



Graças a Deus por poder disfrutar do priviégio de ter uma família de sangue, puro sangue! O angue de Cristo! Sinto-me privilegiado por ter sido acolhido nesses quatro meses por pessoas que têm acompanhado-me desde que voltei ao Rio de Janeiro no final de 2002. Pessoas que estenderam-me as mãos em momento oportuno, tanto para apoiar-me dar suporte, quanto caminhar lado a lado e desbravar-mos juntos, lutarmos juntos, combatendo o bom combate da fé na jornada da vida. Ter uma família é ter uma base,uma estrutura. Ter pessoas que tratam-nos, cuida-nos como famíla é algo prazeroso e faz-nos sentir acolhidos, queridos, enfim, faz-nos sentir o cuidado de Deus. Nossa família de sangue é um presente divno. Cada membro dela tem suas diferenças, seus desafios, seus fantasmas [rs],suas habilidades. também debilidades as serem superadas. Em dez anos no Rio de Janeiro muita coisa aconteceu, coisas que permtiram-nos forjar nosso caráter, provando-nos, reprovando-nos ou aprovando-nos para a subida de mais um degrau que nos elevou à escala da vida com um pouco de experiência a mais.
Abba Pai coloca em nosso caminho, pessoas que são peças importantes para auxiliar-nos, pessoas que servem-nos de modelo, servem-nos de suporte, que servem-nos como exemplo, ou não a seguir, mas para algo servem-nos. Pessoas são impares, insubstituíveis em suas pecularidades, em suas singularidades. Durante esses desafiadores anos me alegrei com pessoas, me entristeci com elas também. Alegrei muita gente e entresteci outras. Com todo tipo de convivência, com todo tipo de relacionamento, fui privilegiado em poder crescer. Entendi que a dinâmica do relacionamento nos é importante. Infeliz do ser humano não se permite relacionar-se, pois fomos criados como seres "relacionais" [rs]. Muito grato sou a você que de uma forma ou outra fez e faz parte de minha caminhada, direta ou indiretamnte. Viver momentos, ainda que tivessem sido poucos e singelos,fez-me ser quem sou hoje. Obrigado por sua cotribuição e passagem na jornada da vida! Agora, fechamos um ciclo e viveremos uma nova etapa, se Deus permitir. #MRemEfésios4:25;32