quarta-feira, 4 de setembro de 2013

#ANTROPOFAGIA x ANTROPOLOGIA




UMA PESSOA PRECONCEITUOSA ENXERGA ALÉM DO OLHAR DA SEGREGAÇÃO?


Olhar um indivíduo através de um e um ponto de vista “antropológico”, despretensioso e de forma "inclusiva, e não “antropofágica” é muito difícil. Sem motivo ou por conta de não gostar das preferências de outro indivíduo, diga-se ser humano”, há quem não respeite ao próximo ao ponto de desejar comê-lo vivo [rs].

 Não somos donos da “razão”, da “verdade”, ou somos nós quem ditamos a tendência. Será que não? O desrespeito ao próximo e o fato de atentar para as aparências ainda coloca pessoas que creem ser exemplos para a sociedade como “preconceituosos”, segregando camufladamente em vez de agir de forma “inclusiva. Nem sempre o que reluz é ouro, e nem sempre aquilo que notamos externamente expressa o interior de alguém. Se nossos olhos forem mais inocentes, teríamos condições de ver além dos nossos “olhares”. Se deixarmos de lado a “lata de lixo” que tem sido a nossa mente, seriamos menos juízes. Somos todos iguais. Todos! Ninguém é melhor que o outro. Para os puros, todas as coisas são puras; mas, para os impuros, descrentes e preconceituosos, nada é puro. De fato, tanto a mente como a consciência deles estão corrompidas. Tudo o que não está de acordo com o ponto de vista deles é “ODARRE”. Não conseguem ver além de suas tradições e costumes. #MRemTito1:15 #MR #BADUSCA